Bom dia • 23/10/2017

Frase da Semana:
"Posso todas as coisas naquele que me fortalece" (Fp 4.13).
25 de fevereiro de 2016 às 08:50
Sem comentários
Comente agora

Sexta Cultural do TCE homenageia Déda e abre centenário de ex-conselheiros

“Déda Presente”, a exposição fotográfica com imagens de Janaina Santos e do próprio ex-governador, inaugura a Sexta Cultural do Tribunal de Contas de Sergipe neste ano.

O evento acontece a partir das 10 horas, no Espaço Cultural Ministro Carlos Ayres Britto, no hall de entrada da Corte de Contas. Será relançado o catálogo da exposição, inaugurada há um ano no Museu da Gente Sergipana.

“Déda, artífice da palavra, estilista no trato com a administração pública e regente singular do Estado, era possuidor de grande sensibilidade para as artes, especialmente para a poesia, para o cinema e para a fotografia. Se compreendia os desígnios da política, se sabia tão bem operar no terreno da história, também sabia se colocar como protagonista e personagem dos que buscaram a sua imagem para contar a aventura do seu tempo. Mas na arte fotográfica sabia se colocar tanto à frente quanto atrás das câmeras. Gostava de ser fotografado e também de fotografar”, diz o presidente Clóvis Barbosa, na abertura da nova edição do catálogo.

O poeta Wilton Santos de Jesus, da Academia Estanciana de Letras, vai interpretar o poema “O Lobo”, uma homenagem de Marcelo Déda ao jornalista Cleomar Brandi. A manhã será animada pela apresentação musical do cantor e compositor Paulo Lobo.

A Sexta Cultural terá ainda o lançamento das comemorações alusivas ao centenário de nascimento de Manoel Cabral Machado (in memorian) e José Amado Nascimento, conselheiros fundadores do TCE/SE, sendo que Cabral foi o primeiro presidente da casa.

Fonte TCE

Por: Jornal Simãodiense

bannerNoticias

Comentários

Seja o primeiro a enviar uma mensagem