Bom dia • 23/10/2018

Frase da Semana:
"Posso todas as coisas naquele que me fortalece" (Fp 4.13).
11 de abril de 2018 às 09:50
Sem comentários
Comente agora

A TRISTE PARTIDA E A FALTA DE RESPEITO AO POVO.

Lamentável, sob todos os aspectos, Sergipe ser manchete em programa da rede Globo, que exibiu cenas deprimentes e chocantes de uma inauguração do Centro de Nefrologia pelo governo JB, e, no dia seguinte, em ação inusitada, nunca vista em qualquer governo de nossa história, retirar todos os equipamentos ali instalados, transformando da noite para o dia uma unidade de saúde numa indisfarçável obra fantasma. Sem equipamentos, sem médicos, sem enfermeiros, só um espaço vazio, sem qualquer serventia.

Um desrespeito aos usuários de doenças crônicas de rins, que foram desconsiderados e frustrados em seus direitos de terem um atendimento de qualidade pelo poder público.

A sanha demagógica que se inspira numa ambição irrefreável, e sem limites, só trouxe desencanto e revolta, e a convicção de que alguém que age sob esse impulso atrás do governo poder a qualquer preço, para obter dividendos eleitorais, sem aquilatar para as consequências dos seus atos, nunca poderia ter chegado, aonde chegou, e exercer um cargo de governador. Seu ato irresponsável ficará para sempre gravado na memória dos sergipanos e brasileiros de todos os quadrantes.

Se não podia inaugurar por que a pressa em inaugurar uma unidade de saúde que não podia funcionar? Naturalmente para, através da montagem de um teatro de enganação inflar o seu ego, e dizer ao nosso sofrido povo que a saúde pública teria sido prioridade no seu governo. Com certeza uma prioridade falsa. O velho ditado popular de que “mentira tem pernas curtas”, atingiu-lhe em cheio e, inapelavelmente, a todo o seu fatídico governo.

Essa incrível montagem, uma fraude explícita, para a qual não existe defesa nem explicação, diante do escândalo em que se transformou, o governo que o sucedeu, até para dar uma resposta à sociedade, deveria ter tomado na primeira hora uma decisão de abrir sindicância para apurar as circunstâncias em que ocorreram os fatos, e, por precaução, afastar ou demitir possíveis implicados nessa trama criminosa. Se não o fizer estará coonestando com a farsa, colocando panos quentes para esconder os malfeitos. Acabará terminando o novo governo, no mesmo instante em que está apenas no seu começo.

Sinceramente como não sei como alguém que age de forma tão desprezível, sem o menor pudor ou pena dos que sofrem, afrontando um povo tão humilhado, que dá graças a Deus quando aparece qualquer iniciativa na área da saúde, ainda planeja ser vitorioso na política, ser exemplo para seus aliados como mote de campanha, e um espelho de virtude e retidão para os mais jovens.

Triste despedida de um populista travestido de defensor dos mais pobres e oprimidos. Agora que ele renuncia pra se candidatar, pela fragilidade de suas ações, que essa renúncia seja recepcionada com altivez, pelo povo de Sergipe na hora do voto como uma renúncia para todo o sempre.

Senador Antonio Carlos Valadares (Líder do PSB no Senado)

Por: Jornal Simãodiense

BANNER_HOME- NOTICIAS-VENDE

Comentários

Seja o primeiro a enviar uma mensagem